Após 4 meses e 12 dias, devido a paralização do Campeonato Paulista A1 por causa da Pandemia do Covid 19, o Botafogo voltou a campo e venceu o Guarani por 2×0, jogando no Estádio 1° de Maio, em São Bernardo do Campo/SP, já que Ribeirão Preto/SP, sua sede está classificada na Faixa Vermelha pelo Governo do Estado de SP e interditada para a prática do Futebol.

O Botafogo que jogou sabendo os resultados de seus adversários diretos, já que seu jogo foi um dos que encerraram a rodada, entrou em campo com a missão de matar para não morrer.

Com a raça de Vítor Bolt, que fez seu melhor jogo desde que foi contratado, a técnica apurada de Mateus Anjos e a finalização perfeita de Wellington Tanque o Botafogo conseguiu sair da zona da degola, deixando Oeste e Ponte Preta ocupando as últimas colocações.

Para atingir seu objetivo, o time que se mantém na grande São Paulo após o jogo, no domingo terá outra dura missão contra o Red Bull Bragantino no Estádio José Liberatti em Osasco.

Todos os jogos acontecerão às 16h de domingo e o Botafogo pode até perder seu jogo, desde que Oeste e Ponte Preta também percam suas partidas, que se salva do Rebaixamento.

Um empate, vai depender dos resultados de outros concorrentes e uma vitória salva definitivamente a equipe.

Claudinei Oliveira, surpreendeu na escalação inicial, com Gabriel Calabres e Gustavo Henrique como titulares, deixando Ronald e Rafinha no banco, titulares até então. Rafinha inclusive, perdeu o pênalti que poderia ter dado o empate contra o Oeste o que acabou resultando na derrota na rodada anterior antes da parada.

No primeiro tempo, o Botafogo atacou muito pouco e em determinados momentos até foi sufocado pelo Bugre. No intervalo, Claudinei acabou sacando suas duas surpresas w promoveu as voltas dos antigos titulares, Rafinha e Ronald e deu mais velocidade ao ataque e liberou mais a criatividade de Mateus Anjos no ataque. Tanto é que em falta recebida pelo Mateus Anjos, ele próprio cobrou com perfeição e colocou na cabeça de Wellington Tanque que bem posicionado estufou a rede Jeferson logo aos 5 minutos segundo tempo, estabelecendo o primeiro gol de Tanque para o Botafogo. Após o gol, naturalmente o Botafogo recuou e passou a se utilizar dos contra-ataques como sua arma letal. Em um, Caique Sá percorreu todo o campo do Guarani sozinho e na cara do Goleiro se enrolou todo, dando ao Bugre um excelente contra ataque que acabou resultando com uma bola na trave após chute de Jr Todynho. Na sequência, Tiago Carpini, Técnico do Guarani começou a trocar peças e colocou seu time ainda mais à frente tentando a todo custo empatar o jogo. Eis que aí sim, com uma roubada de bola fantástica de Vitor Bolt, este tocou para Mateus Anjos que também atravessou todo campo adversário com a bola nos pés, passou pelo Goleiro Jeferson como quis e entrou com bola e tudo finalizando o placar a favor do Tricolor. Mateus Anjos deu assistência no primeiro e marcou o segundo no finalzinho do jogo. Brilhante atuação do meia Botafoguense.

Primeiro passo foi dado, agora é completar o objetivo no domingo. A Equipe K8 transmitiu o jogo contra o Guarani pelas suas plataformas digitais e promete para domingo mais um Show de prêmios e transmissão contra o RBB. Nós acreditávamos na reviravolta do Botafogo na competição, já que lançamos em nossa Programação a Campanha “Vai dar certo!!! De novo!!” assim como já ocorreu vários anos com o Clube em edições anteriores do Paulistão com o Botafogo. Força Pantera, falta pouco pra podermos mudar a frase: “DEU CERTO!!! DE NOVO!!”

Da Redação da K8 Rádio e Tv – Por Marcos Andrez